As abóboras-d’água são frutas aquáticas originárias da América do Sul, ricas em nutrientes e com propriedades medicinais. Elas possuem diversos sinônimos, como jerimum-d’água, melão-de-rio, entre outros. São conhecidas por seu sabor único e sua versatilidade culinária. Descubra mais sobre as abóboras-d’água e suas características!

Abóboras-d’água: sinônimos, significados e curiosidades na língua portuguesa.

As abóboras-d’água, também conhecidas como cucúrbita aquática ou cucúrbita foetidissima, são plantas pertencentes à família das cucurbitáceas. Elas são caracterizadas por suas frutas, que se assemelham a pequenas abóboras e são encontradas em regiões pantanosas ou com água, como pântanos, riachos ou margens de lagos.

Sinônimos: cucúrbita aquática, cucúrbita foetidissima.

Significado: A palavra “abóbora-d’água” refere-se especificamente à cucúrbita aquática, sendo um termo utilizado para descrever essa espécie de planta aquática.

Curiosidades: A abóbora-d’água é uma planta nativa das Américas, sendo encontrada principalmente na América do Norte e Central. Ela possui uma forma peculiar de sobreviver em ambientes aquáticos, já que suas raízes conseguem absorver oxigênio da atmosfera para suprir suas necessidades durante a fase de inundação.

Classe gramatical: substantivo feminino.

Tipo do verbo: invariável.

Separamento silábico: a-bó-bo-ras-d’á-gua.

Conjugação do verbo: não se aplica.

Definição do tempo verbal da palavra: não se aplica.

É interessante destacar que, apesar de seu nome, a abóbora-d’água não é comestível. Suas frutas possuem um odor desagradável e são ricas em toxinas, tornando-as inapropriadas para consumo humano.

Antônimos: não se aplica, pois o termo “abóbora-d’água” não possui um antônimo específico.

Origem da palavra: a palavra “abóbora” tem origem no termo árabe “al-bunduqa”, que significa “semente”. O sufixo “d’água” indica a característica de ser uma planta que cresce em ambientes aquáticos.

Esperamos que essas informações sobre as abóboras-d’água tenham sido úteis e interessantes para você. Caso tenha alguma dúvida ou queira conhecer mais sinônimos e curiosidades na língua portuguesa, não deixe de explorar nosso site.

Perguntas Frequentes

Quais são os sinônimos para abóboras-d’água?
– Melancias-d’água
– Jacintos-d’água
– Ninféias-d’água

Os sinônimos para abóboras-d’água são:

Melancias-d’água: esse termo é usado para se referir a abóboras-d’água em algumas regiões do Brasil.

Jacintos-d’água: embora seja mais comumente utilizado para se referir a uma planta aquática, o termo “jacintos-d’água” também é utilizado como sinônimo de abóboras-d’água em alguns contextos.

Ninféias-d’água: assim como os jacintos-d’água, as ninféias-d’água são comumente conhecidas como plantas aquáticas, mas também podem ser usadas como sinônimo para abóboras-d’água em algumas situações.

É importante ressaltar que essas palavras podem variar de acordo com a região e o contexto em que são utilizadas.

Qual é o significado da palavra abóboras-d’água?
– Abóboras-d’água é uma planta aquática também conhecida como “Nymphea ampla”. Elas possuem grandes folhas flutuantes e flores que podem variar de cor. Sua raiz é fixada no fundo dos corpos d’água.

O significado da palavra abóboras-d’água é o nome de uma planta aquática conhecida cientificamente como “Nymphea ampla”. Essa planta possui folhas flutuantes grandes e flores que podem ter cores variadas. Sua raiz se fixa no fundo de corpos d’água.

Existem antônimos para abóboras-d’água?
– Não existem antônimos específicos para abóboras-d’água, uma vez que se trata de um nome específico de uma planta aquática. Porém, para o termo “abóbora”, pode-se considerar como antônimo “melancia”, por exemplo.

Não existem antônimos específicos para abóboras-d’água, uma vez que se trata de um nome específico de uma planta aquática. Porém, para o termo “abóbora”, pode-se considerar como antônimo “melancia”, por exemplo.

Em conclusão, as abóboras-d’água são uma variedade singular e fascinante de abóboras que merecem nossa atenção. Elas se destacam por sua capacidade única de flutuar na água, tornando-as um exemplo incrível de adaptação. Além disso, essas abóboras têm uma série de sinônimos interessantes, como “guariroba” e “cuiarana”, revelando a diversidade linguística em torno dessa planta peculiar. Sua origem remonta aos rios e pântanos da Amazônia, onde são uma fonte valiosa de alimentação e até mesmo material para artesanato. As abóboras-d’água também possuem antônimos, como as abóboras terrestres, destacando ainda mais suas características exclusivas. Em resumo, explorar as nuances e peculiaridades das palavras é um convite para apreciar a riqueza e a complexidade da língua portuguesa. Portanto, vamos continuar nosso mergulho nesse vasto oceano de conhecimento e descobrir mais sobre as abóboras-d’água e outras palavras fascinantes.